Portugal diz que UE deve ser cautelosa "no levantamento de restrições"

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse que a União Europeia (UE) deve ser muito cautelosa “no levantamento das restrições” implementadas para enfrentar a pandemia, alertando que a Omicron “não é a última variante possível”.

“Neste momento, parece que passámos a pior fase desta onda da pandemia e é por isso que estamos a afrouxar as restrições que estão em vigor, mas isso não deve motivar qualquer imprudência”, disse à Lusa o ministro.
Augusto Santos Silva segue a mesma linha de pensamento da Comissária Europeia da Saúde Stella Kyriakides, que disse esperar que a UE já esteja a recuperar da pandemia, mas apela à cautela devido à imprevisibilidade do vírus.
“Após o início desta pandemia, nos últimos dois anos, todos vimos o impacto que a Covid-19 teve na vida dos cidadãos. Acredito que dizer que viramos a esquina, com as muitas reviravoltas desta pandemia, não é uma expressão que eu ao menos usaria, mas estamos presenciando, nas últimas sete a oito semanas, a estabilização do número de casos, de internações e mortalidade”, disse Stella Kyriakides.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Distinção do Aeroporto do Porto é "recado para a TAP, numa altura em que tudo corre mal em Lisboa"
26/06/2022
Sonae cria plataforma de emprego para ajudar refugiados ucranianos
26/06/2022
Filmagens do filme “Velocidade Furiosa” obrigam a cortes em vários troços da A24
26/06/2022
Hause Plants anunciam tour com mais de 15 datas em Portugal
26/06/2022
Livro “Norte com Tradição” apresentado este sábado
25/06/2022
Anulação do direito ao aborto nos EUA "interpela todo o mundo", diz Vaticano
25/06/2022
Reunião com enfermeiros não definiu retroatividade e negociações continuam
25/06/2022
Luísa Salgueiro: Câmara do Porto ficou "fragilizada e isolada" com saída da Associação Nacional de Municípios
25/06/2022
Distinção do Aeroporto do Porto é "recado para a TAP, numa altura em que tudo corre mal em Lisboa"
26/06/2022
Sonae cria plataforma de emprego para ajudar refugiados ucranianos
26/06/2022