O FC Foz entrou praticamente a perder na deslocação a Pedras Rubras e sofreu com a falta de confiança que se instalou

O Futebol Clube da Foz perdeu por 1-3, no passado domingo, com o FC Pedras Rubras.

O treinador do FC Foz, no rescaldo do jogo, declarou: “Os minutos iniciais condicionaram a abordagem a um jogo que chegou a estar ao alcance, mas que uma grande penalidade desperdiçada deitou a perder “Falhamos em momentos cruciais”.

O FC Foz entrou praticamente a perder na deslocação a Pedras Rubras e sofreu com a falta de confiança que se instalou. “Falhamos em alguns momentos cruciais do jogo: Primeiro logo na entrada ao sofremos um golo no primeiro lance do jogo. Se já estávamos desconfiados, depois do que aconteceu na semana passada, ao perdermos contra o Coimbrões, este não foi um jogo que nos ajudou em termos de confiança”, lamentou Pedro Fonseca.

“Na primeira parte tivemos muita dificuldade em controlar a largura, ou seja, o jogo de corredores, o lado direito do Pedras Rubras, em especial, que apresentou uma dinâmica muito interessante, que nos criou dificuldades. Fizeram um jogo de corredor de qualidade e tivemos dificuldade em controlar e defender. Não tivemos o discernimento suficiente para termos mais bola, criarmos mais jogo e atacar mais. Faltou-nos essa capacidade e defender bem o jogo exterior deles”, analisou.

Ainda assim, o FC Foz conseguiu reduzir para 2-1 ao intervalo e tudo era possível com 45 minutos pela frente. “Conseguimos o 2-1 na primeira parte, o que nos permitiu ir à procura do jogo na segunda parte. Entramos mais à nossa imagem, a procura do golo. No entanto, falhamos em mais um momento crucial ao desperdiçarmos uma grande penalidade, que nos teria permitido recuperar da desvantagem e nivelar o jogo. Foi um choque para nós. Ainda assim continuamos, mas a seguir falhamos ao ficarmos reduzidos a dez jogadores [Pedro Caeiro foi expulso]. A resposta, ainda assim, foi positiva, pressionamos alto deixamos o adversário o desconfortável, criamos algumas ameaças, mas com a segunda expulsão [Ivo Lucas] perdemos todas as hipóteses de tirar algo do jogo e sofremos o terceiro golo a seguir”, declarou o treinador.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Cidade do Porto recebe meeting internacional de natação artística
23/02/2024
Promotor de estrutura na praia do Ourigo reclama indemnização de 1,7 ME
23/02/2024
Pioneirismo de médico portuense Barreto Guimarães destacado pelo The Guardian
23/02/2024
Remadores portuenses no Campeonato do Mundo de Remo
23/02/2024
Porto recebe Circuito Nacional de Escalada de Bloco
23/02/2024
Agenda do futebol de formação do Boavista FC
23/02/2024
“A história dele não é só importante no FC Porto, mas também no futebol nacional”
23/02/2024
Souto Moura assina megaprojeto imobiliário na antiga termoelétrica do Freixo
23/02/2024
Cidade do Porto recebe meeting internacional de natação artística
23/02/2024
Promotor de estrutura na praia do Ourigo reclama indemnização de 1,7 ME
23/02/2024