Finanças dão mulher como morta há 12 anos em Felgueiras

Um homem foi às Finanças de Felgueiras pedir um documento para a mulher, e saiu de lá com a informação de que não o poderia levantar, porque o óbito tinha sido declarado em abril de 2011.

Manuel Barbosa ficou incrédulo no que estava a ouvir.

A situação tornou-se ainda mais caricata quando voltou ao local, horas depois, com a esposa, Fernanda Freitas, de 62 anos, e lhe voltaram a referir que o óbito tinha sido declarado há mais de doze anos, remetendo o problema para a Conservatória.


 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Atletas de alta competição com apoio de 200 mil euros
12/04/2024
Prova de cicloturismo Porto-Gaia Granfondo vai para a estrada este domingo
12/04/2024
Pai e filha detidos no Porto por criminalidade organizada
12/04/2024
Torneio Patricius 2024 regressa ao Parque da Cidade
12/04/2024
Obras da estação do metrobus do Pinheiro Manso terminam no verão
12/04/2024
PSP constitui cinco arguidos em operação de combate à segurança privada ilegal
12/04/2024
Esta é a nova geração da Arquitetura portuense
12/04/2024
Município investe em projetos de inclusão social e combate à pobreza
12/04/2024
Atletas de alta competição com apoio de 200 mil euros
12/04/2024
Prova de cicloturismo Porto-Gaia Granfondo vai para a estrada este domingo
12/04/2024