Alheiras contaminadas levam chefe Michelin a tribunal sete anos depois

Luís Portugal está acusado de corrupção de substâncias alimentares após várias pessoas terem contraído botulismo após terem consumido.

Começou o julgamento do caso de botulismo, em Bragança, que, em 2015, levou à hospitalização de quatro pessoas por terem ingerido alheira, alegadamente contaminada. O cozinheiro e empresário, Luís Portugal, está acusado de quatro crimes de corrupção de substâncias alimentares.

Foi em 2015 que um mediático caso veio a público. Quatro pessoas foram, alegadamente, contaminadas após a ingestão de alheiras vendidas pelo empresário Luís Portugal. Os lesados contam que, após a ingestão dos produtos, desenvolveram vários sintomas físicos severos, tais como visão desfocada, cansaço generalizado, dificuldades respiratórias e motoras, sintomas esses que as levaram a ser hospitalizadas.

Agora, sete anos depois, o réu Luís Portugal está acusado de quatro crimes de corrupção de substâncias alimentares. Durante a primeira sessão, o arguido optou por não prestar qualquer declaração.

Segundo as declarações da acusação, a empresa do acusado produziu e comercializou alheiras, alegadamente contaminadas com a toxina libertada por uma bactéria, que pode, em alguns casos, ser fatal.

A empresa do arguido, segundo afirma a acusação, não respeitava as normas higiossanitárias necessárias para a produção destes produtos.

O caso afetou quatro pessoas, mas apenas uma não apresentou qualquer pedido de indemnização. Os restantes três pedem compensações, que na totalidade perfazem um total de 60 mil euros.

O trabalho da acusação, neste momento, é provar que os casos de botulismo aconteceram devido à ingestão das alheiras fabricadas pela empresa do arguido, visto que não foi encontrado nenhum produto contaminado nas inspeções realizadas.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Porto vai instalar dois ecrãs gigantes para os jogos do Euro 2024
28/05/2024
Cinema rodado na Invicta apoiado pela Filmaporto
28/05/2024
U.Porto distingue Nobel da Física 2023 com Honoris Causa
28/05/2024
Município investe 4,65 milhões de euros para habitação na Rua Gisberta Salce Júnior
28/05/2024
Fluvial traz cinco medalhas da Regata Internacional da Amizade
28/05/2024
André Villas-Boas: “Continuaremos a ganhar consigo”
28/05/2024
Sérgio Conceição e família ergueram a Taça de Portugal no relvado de Alvalade
27/05/2024
Jardins do Palácio de Cristal acolhem a Festa da Criança durante três dias
27/05/2024
Porto vai instalar dois ecrãs gigantes para os jogos do Euro 2024
28/05/2024
Cinema rodado na Invicta apoiado pela Filmaporto
28/05/2024