O partido nacionalista espanhol VOX divulgou um cartaz alusivo ao Dia da Hispanidade, que se comemorou esta terça-feira, em que o território português é parte de Espanha, tal como as ex-colónias portuguesas.
“A Espanha tem muito a comemorar e nada do que se arrepender. Num dia como hoje, há 529 anos, Colombo descobriu a América e começou a Hispanidade, a maior obra de geminação realizada por um povo na história universal”, afirma o partido em mensagem que acompanha a imagem divulgada nas redes sociais.
No centro da imagem está um mapa que assinala a vermelho antigas possessões da coroa espanhola em todo o mundo, incluindo Portugal, toda a América Latina, grande parte da América do Norte e as costas africanas do Atlântico e Índico, incluindo o que é hoje Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau e Moçambique, entre outros países.
No topo, uma bandeira com as armas portuguesas, ao lado do escudo real espanhol filipino, durante o período de 60 anos de anexação de Portugal por Espanha (1580-1640), em que as armas portuguesas faziam parte do brasão da coroa espanhola.
Em diversos países sul-americanos, a data foi assinalada por marchas de povos indígenas, com os quais se solidarizaram diversos partidos políticos e alguns chefes de Estado.
O Dia da Hispanidade, feriado nacional no país-vizinho, marca a chegada, em 12 de outubro de 1492, de uma expedição liderada por Cristóvão Colombo à Ilha Guananí, no arquipélago das Bahamas, considerado o primeiro contacto entre a Europa e a América, poucos anos antes da chegada de Pedro Álvares Cabral ao Brasil.
O feriado espanhol instituído pela lei 18/1987 simboliza, segundo o Diário Oficial do Estado, “o acontecimento histórico em que a Espanha, prestes a concluir um processo de construção do Estado com base na nossa pluralidade cultural e política, e integração dos Reinos de Espanha na mesma monarquia, inicia um período de projeção linguística e cultural para além dos limites europeus”.

Facebook
Twitter
Instagram