Voos Londres-Faro a 500 libras esta semana.

Portugal foi confirmado na “lista verde” de países considerados seguros para viajar e isentos de quarentena na chegada a Inglaterra a partir de 17 de maio. Esta decisão provocou uma subida de preços das viagens, sobretudo para o primeiro dia da entrada nessa lista.
Portugal é uma das exceções dentro da Europa, juntamente com Israel e Gibraltar, enquanto a maioria vai ficar na lista “amarela”, sujeita a restrições mais apertadas, como Espanha, França e Grécia. Desde janeiro que estavam proibidas as viagens para o estrangeiro exceto em casos de força maior e com justificação válida, sendo as infrações penalizadas com multas de 5.000 libras (5.800 euros).
A expectativa de poder viajar para Portugal fez com que os britânicos começassem a procurar, nos últimos dias, voos para Portugal. Assim, os preços das viagens aéreas entre o Reino Unido e Portugal dispararam.
Vários meios de comunicação britânicos dão conta de uma forte subida nos preços dos bilhetes de avião do Reino Unido para Portugal, precisamente a partir de 17 de maio.
SPor exemplo, um voo na British Airways de Londres-Heathrow para o Algarve disparou na quinta-feira de 234 libras para 530 libras a 17 de maio.
No caso da Ryanair, os preços entre Londres-Stansted e Lisboa dispararam das 15 libras no dia 16 de maio para as 152 libras a 17 de maio, dia em que as restrições são levantadas.
Na Easyjet, um voo entre Luton e Faro custa 234 libras a 17 de maio, descendo para as 73 libras no dia seguinte.
Por fim, no caso da TAP, os voos entre Londres e Lisboa no dia 16 de maio custam 145,70 euros em classe económica. No dia seguinte, 17 de maio, sobem para os 211 euros, apesar de segunda-feira ser tradicionalmente um dia mais barato para viajar. No dia seguinte, os preços descem para os 163,28 euros.

Facebook
Twitter
Instagram