O Dia Mundial da Língua Portuguesa, que se comemora pela segunda vez, será em formato híbrido, presencial e ‘online’, e a programação inclui mais de 150 atividades em 44 países de todos os continentes, além de uma cerimônia oficial a partir de Lisboa.
Pepetela trouxe Luaia Gomes Pereira, Mia Couto sugeriu Mbate Pedro e Germano Almeida indicou Eileen Barbosa, juntando-se a outros 10 escritores lusófonos numa antologia digital que será lançada no Dia Mundial da Língua Portuguesa.
A antologia vai reunir textos dos escritores Pepetela e Luaia Gomes Pereira, de Angola, Milton Hatoum e Socorro Acioli, do Brasil, Germano Almeida e Eileen Barbosa, de Cabo Verde, Odete Semedo e Rita Ié, da Guiné-Bissau, Mia Couto e Mbate Pedro, de Moçambique, Lídia Jorge e Bruno Vieira Amaral, de Portugal, Conceição de Deus Lima e Orlando Piedade, de São Tomé e Príncipe, e Vicente Paulino e Jonato Xavier, de Timor-Leste.
No âmbito da programação da cerimónia em Lisboa, está prevista também a realização de uma mesa-redonda com a participação dos escritores Ondjaki (Angola), Odete Semedo (Guiné-Bissau), Afonso Cruz (Portugal), além de concertos, espetáculos de dança, concursos literários e sessões de cinema.
Será ainda apresentado o projeto Dicionário do Português de Moçambique (DIPOMO), cujos trabalhos preparatórios arrancaram em março, em Maputo, e a plataforma digital “Ler em Rede”, iniciativa de apoio à leitura e à autoaprendizagem dirigida a jovens da rede Ensino de Português no Estrangeiro (EPE), entre outras iniciativas.
Espanha, Alemanha, Estados Unidos, China, Itália e Moçambique serão os países com mais atividades comemorativas do Dia Mundial da Língua Portuguesa.
Além dos lusófonos e dos países com grandes comunidades portuguesas, estão previstas iniciativas em lugares como Quénia, Senegal, Chile, Colômbia, Cuba, China, Índia, Indonésia, Tailândia, Croácia, Dinamarca, Rússia, Servia, República Checa ou Vaticano.
Promove ainda uma exposição dedicada à vida e obra da escritora Luísa Ducla Soares, uma sessão sobre mulheres escritoras da lusofonia, bem como uma semana de divulgação cultural dos países de língua portuguesa.

Facebook
Twitter
Instagram