Sindika Dokolo, empresário e marido de Isabel dos Santos, morreu esta quinta-feira, aos 48 anos.
O empresário terá morrido afogado quando praticava mergulho no Dubai.
Empresário e colecionador de arte, Sindika Dokolo era casado com Isabel dos Santos, empresária e filha do antigo Presidente angolano José Eduardo dos Santos, com quem tinha quatro filhos.
Morte de Sindika Dokolo terá de “ser investigada pelas autoridades do Dubai”.
A notícia foi avançada pela imprensa congolesa e as mensagens de condolências multiplicaram-se nas redes sociais, como a de Michée Mulumba, assistente pessoal do Presidente congolês, Felix Tshisekedi.
“Foi durante um mergulho que partiu para a eternidade, uma atividade habitual que o afastou da sua luta e dos seus entes queridos”, escreveu no Twitter.
Tal como Isabel dos Santos, os negócios de Sindika Dokolo estavam a ser investigados pela Justiça angolana, na sequência das revelações do Consórcio Internacional de Jornalistas que ficaram conhecidas como Luanda Leaks.
A notícia foi avançada pela imprensa congolesa e as mensagens de condolências multiplicaram-se nas redes sociais, como a de Michée Mulumba, assistente pessoal do Presidente congolês, Felix Tshisekedi.
“Foi durante um mergulho que partiu para a eternidade, uma atividade habitual que o afastou da sua luta e dos seus entes queridos”, escreveu no Twitter.
Tal como Isabel dos Santos, os negócios de Sindika Dokolo estavam a ser investigados pela Justiça angolana, na sequência das revelações do Consórcio Internacional de Jornalistas que ficaram conhecidas como Luanda Leaks.

Sindika Dokolo e Isabel dos Santos viviam numa ilha artifical no Dubai
Sindika Dokolo era filho do banqueiro Augustin Dokolo Sanu, e da sua segunda mulher, a dinamarquesa Hanne Taabbel. Frequentou o liceu Saint Louis de Gonzague, em Paris, e prosseguiu os estudos na Universidade Paris Vi Pierre et Marie Curie.
Inspirado pelo pai, amante de arte, começou a sua coleção de arte quando tinha 15 anos e criou mais tarde a Fundação Sindika Dokolo, a fim de promover as artes e festivais de cultura em Angola e noutros países.

Facebook
Twitter
Instagram