Guardas prisionais iniciam na terça-feira três dias de greve

Os guardas prisionais iniciam às 0:00 de terça-feira uma greve de três dias e juntam-se na sexta-feira à paralisação da função pública, anunciou hoje o Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional (SNCGP).
A greve, insere-se na contestação que o SNCGP está a realizar desde o início do mês de março para exigir a aplicação do estatuto profissional, que entrou em vigor há mais de um ano, e falta de resposta do Ministério da Justiça (MJ) às reivindicações.