A proposta, ainda não oficializada, será uma tentativa para desbloquear as negociações em curso.

Michel Barnier, negociador chefe da União Europeia (UE) para o Brexit, terá proposto prolongar em um ano o período de transição após a saída do Reino Unido do bloco europeu, indicaram à France Presse fontes diplomáticas europeias.
O eventual adiamento destina-se a negociar a futura relação entre Londres e a União Europeia e visa, nomeadamente, alcançar uma solução para a questão relacionada com a fronteira entre a República da Irlanda e a província britânica da Irlanda do Norte, um dos principais pontos de discórdia nas discussões entre as partes, segundo as fontes diplomáticas.
Os chefes de Estado e de Governo da UE reúnem-se esta quarta-feira em Conselho Europeu para debater as negociações sobre o Brexit.

Facebook
Twitter
Instagram