A embarcação fazia uma rota entre as Caraíbas e a Europa. Foram detidos dois homens e duas mulheres, entre os 21 e os 36 anos.

A Polícia Judiciária apreendeu um veleiro, ao largo dos Açores, que transportava 700 placas de cocaína, com o peso de 840 quilos. Esta operação de combate ao tráfico de estupefacientes por via marítima contou com o apoio da Marinha e da Força Aérea.
A embarcação, com bandeira de um país estrangeiro, foi localizada a navegar ao largo do Arquipélago dos Açores, acabando por entrar na marina da cidade da Horta, na Ilha do Faial, onde foi alvo de busca.
“Foi possível detetar cinco compartimentos especialmente criados na estrutura da embarcação para o transporte de estupefacientes no interior dos quais foram encontradas 700 placas de cocaína com o peso bruto total aproximado de 840 kg”, descreve o comunicado.
A bordo encontravam-se dois homens e duas mulheres que foram detidos e que, de acordo com a investigação integram uma organização criminosa implantada em diferentes países do continente europeu e da América Latina.
Os detidos, todos estrangeiros e com idades compreendidas entre os 21 e os 36 anos, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva a dois deles.
Segundo informação publicada no site da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL), a cocaína apreendida cedida a terceiros renderia uma quantia não inferior a 35 mil euros.
A investigação prossegue sob a direção do Ministério Público na Horta com o apoio da PJ e em cooperação com as autoridades de outros países.

Facebook
Twitter
Instagram