Sérgio Conceição espera uma resposta dos Campeões Nacionais frente ao Moreirense

Sérgio Conceição fez neste sábado a antevisão do jogo frente ao Moreirense, relativo à 4.ª jornada da Liga. O FC Porto recebe a equipa de Moreira de Cónegos no domingo à noite, a partir das 20h30, no Estádio do Dragão. Os Campeões Nacionais querem dar uma resposta à altura após a derrota frente ao Vitória de Guimarães, na jornada anterior.

Moreirense diferente
“O Moreirense é uma equipa bastante diferente daquilo que tem sido o Moreirense dos últimos tempos. Vimos o jogo fora com o Nacional e fez um excelente jogo. Normalmente joga com quatro médios e alas bem abertos, sem uma referência na frente, é uma equipa bastante interessante. É um adversário difícil, mais um. Não há jogos fáceis. Amanhã vamos ter um adversário difícil que até poderá ganhar mais vezes fora do que em casa.”

Brahimi e Corona
“Ainda temos amanhã um treino de manhã mas eles estão bastante melhor em relação às lesões que os afetavam. Marega? Haverá o Marega e outros jogadores que de acordo com as suas caraterísticas podem ajudar a equipa, mas o que houve foi uma série de coisas que não fizemos no último jogo e que costumávamos fazer. Devemos voltar a fazer rapidamente o que nos levou ao sucesso.”

Mercado fechou
“Reforços chegaram há um dia, é pouco tempo. O trabalho de preparação para o jogo de amanhã era mais importante. No dia da minha apresentação, o presidente disse que estávamos à espera do Ronaldo e do Messi. Todos os treinadores anseiam por jogadores que aqui em Portugal não temos capacidade para ter, jogadores que cheguem e sejam logo mais-valias. O que conta depois é nos treinos, ali é que eles provam se são mais-valias ou não. O futebol jogado é que conta. O mercado fechou e isso é importante para a estabilidade emocional dos jogadores, porque há muita gente que gravita à volta deles, muita instabilidade. Aqui em Portugal estamos mais preparados para perder jogadores do que comprar. Para mim é um alívio.”

O grupo na Champions
“É um grupo extremamente complicado, como foi no ano passado. Também como no ano passado, vamos jogar com o vice-campeão alemão e com o campeão turco. Em vez do campeão francês, vamos jogar com o campeão russo. Vai ser um grupo muito equilibrado e difícil, em que qualquer uma das equipas pode aspirar à passagem aos oitavos de final.”

Sérgio Oliveira na Seleção
“A reação é a mesma da convocatória do Felipe. Fico muito satisfeito. É um trabalho primeiro do jogador. Melhorou muito, em relação a quando conheci o Sérgio em Nantes. Foi importante a capacidade de ele entender e aceitar que o futebol é mais que ter a bola no pé. É o culminar de seis meses fantásticos no FC Porto.”

Derrota na jornada anterior
“Disse no final do jogo com o Vitória que a derrota era justa por aquilo que não fizemos, não por o Vitória merecer ganhar. Pelas oportunidades, a haver um vencedor, seríamos nós. Até ao penálti penso que não houve um remate enquadrado do Vitória. Num dia normal, de acordo com a nossa identidade, do que tem sido o FC Porto em todos os jogos, se fizessem três golos nós teríamos feito sete, oito ou nove. Mas não fizemos e permitimos que eles fizessem três golos. Temos de lhes dar os parabéns e culpar-nos por aquilo que não fizemos e devíamos ter feito.”

Facebook
Twitter
Instagram