Estado Islâmico reivindica o ataque. O indivíduo foi abatido pelas forças de segurança.

Os subúrbios de Paris foram, esta quinta-feira de manhã, palco de um ataque com faca. Duas pessoas morreram e uma ficou gravemente ferida.
Ao início, eram dois os feridos graves, mas um deles acabou por sucumbir aos ferimentos.
Um homem entrincheirou-se num pavilhão da localidade de Trappes (departamento de Yvelines), armado com várias facas e a gritar “Allahu Akbar [Deus é grande]! Se entrarem aqui, furo-vos a todos”.
Ao sair do pavilhão, pelas 10h20 (menos uma hora em Lisboa), o homem ameaçou a polícia, que disparou e neutralizou depois o atacante.
O indivíduo tinha cerca de 30 anos e era conhecido da polícia desde 2016, por fazer a apologia direta do terrorismo.
Não são ainda conhecidos os motivos do ataque e a polícia já deu a operação por terminada. Pede, contudo, à população que evite a zona e respeite os perímetros de segurança.

Facebook
Twitter
Instagram