O antigo coordenador do Bloco de Esquerda, que já há alguns anos travava uma batalha contra o cancro, encontrava-se hospitalizado.

O médico e antigo coordenador do Bloco de Esquerda, João Semedo, morreu esta manhã, aos 67 anos, revelou à TSF fonte do Bloco de Esquerda (BE).
João Semedo estava afastado da vida política desde 2017, quando teve de ser substituído na candidatura do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal do Porto, por motivos de saúde.
Em 1991, demite-se de funcionário e membro do Comité Central do PCP, na sequência da decisão de expulsão de Raimundo Narciso, José Luís Judas, Mário Lino e Barros Moura do partido.
João Semedo renunciou ao mandato de deputado em 2015, devido às complicações de um cancro nas cordas vocais.
Nos últimos meses de vida, João Semedo publicou, com António Arnaut – que faleceu a 21 de maio – um livro com a proposta para uma nova Lei de Bases da Saúde (“Salvar o SNS”) e juntou-se ao Movimento “Direito a morrer com dignidade”.

Facebook
Twitter
Instagram