A construção da nova ala ganhou relevo em Abril, quando pais de crianças com doenças oncológicas denunciaram as más condições de atendimento.

O ministro da Saúde comprometeu-se a lançar a obra da ala pediátrica do hospital de São João até final da legislatura e disse que o investimento de 22 milhões de euros “está autorizado”, encontrando-se a ser ultimado o plano de investimento.
Adalberto Campos Fernandes está hoje a ser ouvido na comissão parlamentar de Saúde, com todos os partidos, incluindo o PS, a pedirem ao ministro um ponto da situação do investimento para a nova ala pediátrica do hospital de São João, no Porto.
Segundo o governante, o investimento “está autorizado”, encontrando-se a administração regional de Saúde do Norte e o hospital a “ultimar o plano de investimento”.
PCP, PSD, CDS e Bloco de Esquerda lembraram ao ministro da Saúde que no final de abril tinha dito que “em duas semanas” o investimento da ala pediátrica estaria resolvido, quando em julho “nada se encontra resolvido”.
Entretanto, hoje o ministro Campos Fernandes recordou aos deputados que o hospital já remodelou uma área para as crianças em condições mais frágeis.

Facebook
Twitter
Instagram