O Reino Unido quer ser observador na CPLP e pede o estatuto de membro associado. O pedido das autoridades britânicas foi feito por carta, a que o Expresso teve acesso, remetido ao secretariado executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

O Reino Unido terá justificado este pedido com o facto de o país ter uma larga comunidade de língua portuguesa, que contribui para a vida económica e social.
O pedido surge duas semanas depois de o Luxemburgo ter feito o mesmo tipo de declaração.
Este pedido surge dias depois de Angola também ter pedido para aderir à Commonwealth, a comunidade que junta os países de língua inglesa. Uma iniciativa que o ministro britânico dos negócios estrangeiros, Boris Johnson, classificou então como sendo “esplêndida”.

Facebook
Twitter
Instagram