Artur Soares Dias foi promovido ontem, terça-feira, à categoria de Elite da UEFA, passando a integrar a lista dos 26 árbitros mais categorizados a nível europeu. Juntamente com o português, de 39 anos, subiram de categoria o espanhol Jesus Manzano e o francês Benoit Bastien.

Mas esta não é a única boa novidade para Portugal: é que Fábio Veríssimo foi promovido à 2.ª categoria, juntando-se a Hugo Miguel, Carlos Xistra e Tiago Martins, que lá permanecem, tal como Jorge Sousa continua na 1.ª categoria. Na 3.ª categoria estão agora Luís Godinho, João Pinheiro e João Capela, o que faz com que o nosso país mantenha os 9 árbitros internacionais no futebol masculino.
No setor feminino, Sandra Bastos continua na Elite e Catarina Campos na 3.ª categoria; mas Portugal conta agora com Sílvia Domingos na 1.ª categoria, igualmente alvo de uma promoção. No futsal continua tudo como estava: Eduardo Coelho na Elite, Nuno Bogalho na 1.ª categoria, Miguel Castilho e Ruben Guerreiro na 2.ª categoria.
São por isso três as promoções nacionais na UEFA ao nível dos árbitros principais de futebol masculino e feminino, e futsal. E isto deixa satisfeito o presidente do Conselho de Arbitragem da FPF; Fontelas Gomes. “Este reconhecimento da UEFA é o reflexo da qualidade dos nossos árbitros a nível individual, mas igualmente da aposta que a Federação Portuguesa de Futebol e o seu Conselho de Arbitragem têm vindo a fazer na arbitragem, com condições de trabalho cada vez melhores. Temos mostrado a nossa qualidade em Portugal e em termos internacionais, num contexto que nem sempre tem sido o mais favorável. Estamos seguros de que esta é a linha certa e de que com o apoio de todos teremos condições para ir mais longe”, explicou a fpf.pt.

Facebook
Twitter
Instagram