No ano em que se assinalam os 100 anos do nascimento de Nelson Mandela, Matosinhos foi a cidade escolhida para as comemorações da efeméride a nível mundial.

Mandela faleceu, aos 95 anos, a 5 de dezembro de 2013. Advogado, ativista dos direitos humanos, Mandela foi o primeiro Presidente negro da África do Sul, entre 1994 e 1999. Esteve preso quase 30 anos pela sua luta contra o regime apartheid da África do Sul. Recebeu em 1993 o Prémio Nobel da Paz.
Nos dias 18,19 e 20 de julho, a Praia do Aterro será palco do evento solidário “Nelson Mandela Music Tribute”, com a participação de artistas nacionais e internacionais como Steven Tyler (Aerosmith) & The Loving Mary Band (convidado especial o guitarrista português Nuno Bettencourt), Bob Geldof (Boomtown Rats), Wyclef Jean (Fugees), Youssou N’ Dour, Pablo Milanés, Rui Veloso, Jimmy P, Soweto Gospel Choir, a escritora Zelda La Grande, entre muitos outros.
Este tributo, hoje apresentado pela Câmara Municipal de Matosinhos e pela Embaixada da África do Sul, juntamente com a Score Music em associação com a Thirty-Three Production, no Terminal de Cruzeiros de Leixões, assinalou a contagem decrescente dos 100 dias que faltam para o dia de aniversário de Mandela (18 de julho).
Luísa Salgueiro considerou ser “um privilégio Matosinhos associar-se a este evento de dimensão mundial e celebrar uma das ímpares figuras que marcaram toda a Humanidade”. A Presidente da Autarquia revelou ainda que este evento se enquadra na estratégia de promoção cultural e de atração turística para o Concelho.
A Embaixadora da África do Sul, Mmamokwena Gaoretelelwe, afirmou que 2018 “é um ano muito importante para nós, é o ano em que celebramos um dos grandes filhos de África, mas também um ícone mundial”. No seu entender, a paz pela via da reconciliação, o respeito pelos direitos humanos e a igualdade são alguns dos valores que representam o legado de Mandela.
Alfre Woodard, nomeada para vários prémios de televisão e cinema e amiga de Mandela, estará presente no evento. “Ele está sempre connosco em espírito. Ele Inspirou o meu ativismo político”, confidenciou.
Os bilhetes estarão à venda a partir de quarta-feira. 75% do valor das receitas revertem a favor da Fundação Nelson Mandela. Os restantes 25% destinam-se a apoiar instituições de solidariedade social portuguesas, entre as quais a Apela — Associação Portuguesa de Esclerose Lateral Amiotrófica.
A sessão de apresentação do evento contou ainda com a presença do Vereador da Cultura de Matosinhos, Fernando Rocha, e do presidente da junta da união das freguesias de S. Mamede de Infesta e da Senhora da Hora, Leonardo Fernandes.

Facebook
Twitter
Instagram