Sporting triplicou valor e FC Porto pagou menos do que o Sp. Braga.

Os clubes da Liga pagaram quase 63 milhões de euros (ME) a intermediários, de acordo com o relatório revelado nesta terça-feira pela federação.
O documento indica um total de 62,6 ME, sendo que um terço desse valor foi declarado pelo Benfica: 21,6 ME.
Refira-se que, ainda assim, o montante dos encarnados caiu em relação ao ano anterior, no qual o Benfica pagou mais de 30 milhões de euros.
Na contabilidade relativa a este ano, no período compreendido entre 1 de abril de 2017 e 31 de março de 2018, segue-se o Sporting com 14,7 milhões, o que significa que triplicou o que tinha declarado entre 2016 e 2017, escreve a Lusa.
No terceiro lugar aparece o Sp. Braga: passou de um milhão para 8,86 ME. O FC Porto teve uma despesa de 8,63 milhões.
O V. Guimarães declarou 4,1 ME, seguido de Estoril (2,46) e Belenenses (1,38 ME).

Facebook
Twitter
Instagram