Mais de 30 estudantes da FBAUP reuniram-se ontem, terça-feira, numa manifestação silenciosa em frente à reitoria do Porto. Em causa estão as “condições precárias” da faculdade e a falta de respostas.

Depois de um manifesto lançado há uma semana, cerca de 30 alunos da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP) muniram-se de baldes e uma faixa e decidiram avançar com uma manifestação silenciosa à porta da reitoria da Universidade do Porto, esta terça-feira. O objetivo é chamar a atenção para a falta de segurança e para a necessidade de obras na faculdade.
Bárbara Correia, aluna da FBAUP, explica que a necessidade desta manifestação surgiu depois de os alunos já terem tentado “chegar à fala com alguém”, através de “métodos ditos convencionais”, mas as respostas serem sempre as mesmas: “ou dizem que as condições na faculdade são suficientes ou dizem que há falta de verbas”.

 

 

Facebook
Twitter
Instagram