Entra esta segunda-feira em vigor o novo tarifário dos Correios de Portugal para o serviço postal universal, que representará um aumento médio anual de 4,5% nos preços dos CTT para correspondências, encomendas, livros, jornais, publicações periódicas e correio editorial.

A subida dos preços foi confirmada pela Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom), no passado dia 23.
Por decisão de 23 de março, a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) considerou que a proposta dos serviços que integram o serviço universal, apresentada pelos CTT – Correios de Portugal, por carta de 15 de fevereiro, “cumpre os princípios e critérios de formação dos preços aplicáveis”, definidos pelo regulador em 21 de novembro de 2014.
Além disso, inclui também uma “redução média anual dos preços de 0,5% para os serviços reservados (serviços de citações e notificações postais)”, refere a Anacom.
A título de exemplo, uma carta até 20 gramas enviada em correio normal custava 0,50 euros e passará a custar 0,53 euros.

Facebook
Twitter
Instagram