O Facebook está sob críticas nos Estados Unidos e na Europa após a revelação que uma sociedade eleitoral britânica, a Cambridge Analytica, explorou os dados de 50 milhões de usuários da rede social sem o seu conhecimento.

A comissária europeia da Justiça alertou esta quarta-feira que um futuro caso semelhante ao do Facebook pode sair “muito caro” a partir de maio, altura em que entra em vigor uma nova regulamentação europeia sobre proteção de dados pessoais.
O Facebook está sob críticas nos Estados Unidos e na Europa após a revelação que uma sociedade eleitoral britânica, a Cambridge Analytica, explorou os dados de 50 milhões de usuários da rede social sem o seu conhecimento.
Em 25 de maio, o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados Pessoais entrará em vigor na União Europeia, que reforça a proteção dos dados pessoais dos cidadãos europeus. Será aplicável a todas as empresas, independentemente da sua localização, incluindo fora da UE.

 

Facebook
Twitter
Instagram