Porto, Lisboa, Setúbal e Aveiro são as cidades onde mais se conhece pessoas no ginásio.

Os dados são de um estudo que revela também que os homens gostam mais do ‘flirt’ do que as mulheres.
A maioria dos participantes concorda que flirtar no ginásio não tem de ser algo visto de forma negativa, pois é algo que se faz também noutros locais, como o trabalho, a universidade ou até o supermercado. Contudo, deverão sempre ser respeitados alguns limites e que começa a flirtar no ginásio tem de perceber que se não estiver a receber feedback positivo, talvez seja melhor adotar outra estratégia ou tentar com outra pessoa.
Muito aconteceu desde a abertura dos primeiros ginásios, em que apenas os homens os frequentavam com o objetivo de esculpir o corpo ao máximo e ganhar cada vez mais músculos, até à atualidade, onde homens e mulheres, em igualmente, lutam por diferentes objetivos, sejam eles perder peso, ganhar peso, tonificar ou simplesmente adotar um estilo de vida mais saudável.
Torna-se, então, quase inevitável não flirtar no ginásio, pois ninguém fica 100% imune a tudo o que o rodeia e afinal “olhar não tira pedaço” e até podemos conhecer alguém especial, a nível romântico ou não. E entre poses, roupas justas e posições atrevidas – tudo em prol do bem-estar físico – há sentimentos que podem ser despertados.

Facebook
Twitter
Instagram