O espaço Maus Hábitos a associação Saco Azul inauguram hoje, às 21,30 horas, o seu ciclo de exposições para o biénio 2018/19 com a abertura da performance/instalação “Alviceleste”, da polémica artista brasileira Márcia X. (1959-2005). 
Com curadoria de Cláudia Saldanha e Ricardo Ventura, esta é uma iniciativa que “não só propõe a reativação da obra performática da artista, como possibilita acesso pleno a um trabalho cuja temática tem sido ultimamente fonte de muita polémica e até proibição em terras brasileiras”.
De entrada livre até 18 de março, Alviceleste mostra uma das “mais celebradas performances” de Márcia X., estreada em 2003 no Rio de Janeiro, e está inserida numa série de trabalhos sobre o conceito do banho, com a criação de um dispositivo plástico a partir de vários instrumentos combinado com o lado performativo da artista.
O novo ciclo de programação no Maus Hábitos intitula-se “Emergência” e, com ele, a organização quer emprestar “voz aos artistas e projetos que estão confinados ao esquecimento e à opressão política”, apostando assim nos “discursos curatoriais em cuja fundamentação está presente a necessidade de existência contínua de diálogo”.
Facebook
Twitter
Instagram