A secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Ribeiro, visitou na passada quinta-feira, 8 de fevereiro, o Tribunal de Paredes após receção na autarquia para uma reunião com o executivo. A deslocação ao Tribunal de Paredes foi acompanhada pelo presidente da Câmara Alexandre Almeida.

Refira-se que a deslocação a Paredes teve “o objetivo conhecer melhor os tribunais”, afirmou a governante.
No fim da visita ao Tribunal de Paredes, a secretária de Estado avançou aos jornalistas que o Governo vai retirar competências a alguns tribunais e reforçar outros, no âmbito da reorganização judiciária que está em preparação.
“O intuito não é devolver competências que foram perdidas, o intuito é servir melhor as populações em termos de especialidade e especialização e isso pode passar, em alguns casos, por retirar valências de determinados locais e colocá-las noutros”, avançou.
Segundo Helena Ribeiro, a reorganização do mapa dos tribunais comuns pode também “dividir competências que estão centradas em determinados pontos e pô-las a funcionar em mais que um ponto”.
A secretária de Estado Adjunta e da Justiça deu ainda nota que o Ministério da Justiça já terminou “um segundo estudo de reavaliação da reorganização judiciária nos tribunais comuns”, estando a ser preparado “um conjunto de ajustamentos ao mapa judiciário”.

Facebook
Twitter
Instagram