A Ordem dos Enfermeiros denunciou que o Hospital de Gaia está a despedir 11 enfermeiros contratados há um mês, exigindo ao ministro da Saúde que “sejam tomadas medidas que respeitem a dignidade e segurança de todos”.

Em comunicado, a bastonária, Ana Rita Cavaco, afirma que “o que se está a passar é inqualificável a todos os níveis”, acrescentando que estes 11 enfermeiros foram contratados “há menos de um mês para assegurar o Plano de Contingência da Gripe”.

Facebook
Twitter
Instagram