Uma mulher, com cerca de 30 anos, está desaparecida no mar desde cerca das 0h00 deste sábado, ao largo do Porto, depois de ter caído de uma embarcação de recreio que trazia a bordo mais uma pessoa.

O capitão do Porto do Douro e Leixões, Rodrigues Campos, disse à Agência Lusa que o outro tripulante recebeu tratamento hospitalar, mas já teve alta.
As circunstâncias do ocorrido ainda não estão totalmente esclarecidas, porque “o tripulante que foi recolhido estava em choque, não estava em condições de prestar declarações que ajudassem muito”, referiu Rodrigues Campos.
“Estamos agora tentar recolher dados mais objetivos. Para já, percebemos que terá sido um golpe de mar, uma onda mais forte, que terá abanado demais a embarcação e a mulher terá caído a água. O homem não conseguiu recuperá-la e a embarcação acabou por ser arrastada para uma zona rochosa da praia do Castelo do Queijo”, acrescentou o responsável.
As buscas para encontrar a vítima estão a decorrer desde a altura em que o alerta foi recebido, com meios em terra, no mar e no ar.
Em terra estão envolvidos meios da Polícia Marítima, dos Sapadores do Porto e elementos do serviço de Proteção Civil de Câmara Matosinhos, no mar está uma embarcação semirrígida da estação salva vidas de Leixões, uma mota de água da Polícia Marítima e uma corveta da Marinha, que se estava a dirigir ao local para participar nas buscas.
Nas operações de busca está também envolvido um helicóptero da Força Aérea.

Facebook
Twitter
Instagram