A criação de um novo pulmão na cidade (o Porto Biolab, em Campanhã), a atribuição de significativas manchas verdes aos principais eixos de trânsito (Rede de Biospots), a oferta de árvores autóctones e a participação na reflorestação de áreas ardidas na Área Metropolitana são alguns dos projetos em curso associados ao Viveiro Municipal e à política ambiental da cidade.

Facebook
Twitter
Instagram