Um casal foi encontrado morto, esta quarta-feira, dentro de uma viatura, em Vila Nova de Gaia.

Ainda não sabem ainda as circunstâncias em que ocorreram as mortes, mas a Polícia Judiciária considera a possibilidade de se tratar de um homicídio seguido de suicídio.
O homem terá baleado a mulher e depois pôs fim à própria vida, recorrendo a uma arma, que foi encontrada pelas autoridades junto aos corpos. A identidade das vítimas ainda não é conhecida.
Em declarações à Lusa, fonte da PSP do Porto disse que o casal é de “nacionalidade portuguesa” e que a idade deles andaria na “casa dos 60 anos”, e não entre os 35-40 anos, como inicialmente a PSP tinha avançado.
A PJ esteve no local, numa rua da Madalena, e os corpos já foram retirados.
O primeiro alerta da ocorrência foi registado pelo número de emergência 112, onde o pedido de ajuda chegava com a informação de que havia um casal inanimado num carro.
Uma equipa do Instituto de Medicina de Emergência Médica (INEM) deslocou-se ao local, mas depois de verificar que havia vítimas mortais solicitou a ajuda da PSP.
O alerta das duas vítimas mortais chegou à Proteção Civil às 9.45 horas via SMS, disse à Lusa fonte daquela autoridade.

Facebook
Twitter
Instagram