A U. Porto comemora 30 anos do Programa ERASMUS e assinala a efeméride com Concerto Comemorativo a realizar no dia 15 de novembro, às 21,00 horas, na Casa da Música.
O programa ERASMUS já reuniu mais de 9 milhões de pessoas ao longo de trinta anos e continua a proporcionar oportunidades de formação, de trabalho ou de voluntariado, contribuindo para alargar o âmbito de cooperação internacional na U. Porto.
Desde 1987, ano em que arrancou o programa ERASMUS, mais de 4,4 milhões de estudantes participaram em programas de mobilidade e experiência internacional que foram sendo alargadas a professores, funcionários, jovens em formação profissional e voluntários.
Segundo a Comissão Europeia, o programa ERASMUS já envolveu um investimento de 2,1 milhões de euros em mais de 19 mil projetos e mais de 69 mil organizações.
De salientar que, neste último ano letivo a U.Porto atingiu um número recorde de estudantes internacionais, em grande parte devido a programas de mobilidade internacional como o Erasmus.
Ao longo deste ano a U.Porto tem vindo a celebrar os 30 anos do programa, partilhando histórias de alumni, estudantes, docentes e não-docentes e encerra as comemorações com Concerto aberto ao público em geral no dia 15 de novembro, às 21,00 horas, na Sala Suggia da Casa da Música.
A Orquestra Clássica da Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP) apresenta um conjunto de obras de Beethoven, J. Sibelius, G. Bizet e Tchaikovsky, sob direção artística do maestro José Eduardo Gomes.
Os bilhetes têm um custo de 5 euros e podem ser adquiridos online ou na Bilheteira da Casa da Música.
Facebook
Twitter
Instagram