O fogo teve início na zona da cozinha de um restaurante da Rua da Picaria, no cento do Porto, e ficou contido naquela área, não se tendo propagado para os andares superiores.

Foi necessária a assistência a um funcionário do restaurante Porto Meu “com problemas relacionados com a inalação de fumou ou de pânico”, revelou o comandante do Batalhão de Sapadores Bombeiros, Rebelo de Carvalho.

A ocorrência causou bastante agitação na estreita rua, mas não foi necessário proceder à evacuação dos prédios vizinhos.

O fogo foi dado como extinto pelas 16 horas, mantendo-se os bombeiros no local por mais algum tempo para “verificação das condições para o regresso à normalidade”.

O alerta foi dado cerca das 15.10 horas, tendo-se deslocado para o local quatro viaturas e 20 operacionais.

Segundo Rebelo de Carvalho, suspeita-se o incêndio tenha surgido do “sistema de exaustão”.

Facebook
Twitter
Instagram