A prova de de F1 da motonáutica que estava prevista para o rio Douro entre as ribeiras do Porto e Gaia entre 29 e 31 de julho foi cancelada.

“Na fase final das negociações, Porto Lazer, F1H2O e patrocinador não conseguiram um entendimento que permitisse assinar os contratos e viabilizar a prova, sem custos significativos para as duas autarquias”, explica a Câmara do Porto, em nota publicada no seu site.

“Em 2015, o Grande Prémio foi suportado pelas autarquias das duas cidades, que então identificaram a necessidade de encontrar um caminho de sustentabilidade para a competição, cujos custos ascenderam a mais de 450 mil euros. Foi então iniciada a procura de um patrocinador, tendo chegado a haver acordo com uma empresa estrangeira que garantiria suporte para a quase totalidade das despesas”, acrescenta a Autarquia, acrescentando que as negociações não chegaram a bom porto.

No ano passado, a prova – a contar para o campeonato mundial – atraiu cerca de 200 mil pessoas às ribeiras de Porto e de Vila Nova de Gaia.

Facebook
Twitter
Instagram