“Rui Sarmento e Castro, diretor de serviço de Infecciologia do Hospital de Santo António, no Porto, defende que o desconfinamento só deve acontecer depois da Páscoa.
O responsável, em entrevista à SIC Notícias, diz que deve ser acompanhado de testes e com um “aumento da velocidade de vacinação”.
Lembra, ainda, que Portugal saiu de uma “situação gravíssima” e que o confinamento deu resultados, tanto na primeira como na segunda vaga. Defende também que o regresso às aulas deve ser feito com “muitos cuidados”.
O responsável diz ainda que a variante inglesa contribui para muitos casos de covid-19 no mês de janeiro.
“Acho que a conseguimos controlar, mas ela está cá”, diz, acrescentando que não temos informações em relação às restantes variantes.

Facebook
Twitter
Instagram