Francisco Louçã falou sobre o descarrilamento do comboio Alfa Pendular que ocorreu esta tarde, em Soure.

Francisco Louçã usou o seu espaço de comentário semanal na SIC Notícias para falar sobre o descarrilamento de um comboio Alfa Pendular, que ocorreu na tarde desta sexta-feira, e que vitimou dois funcionários das Infraestruturas de Portugal. “Um gravíssimo acidente, não se sabe ainda o detalhe ou a explicação deste erro”, começou por dizer, referindo no entanto que “não é um problema de infraestrutura, é um erro de coordenação dos comboios”.
Segundo o bloquista, “tudo indica, nas primeiras conclusões que têm surgido a público, por parte das autoridades e da CP, que se trata de um erro humano” e sendo esse o caso, “é absolutamente indesculpável”.
“É inconcebível que possa haver uma descoordenação que permita que uma composição de velocidade – como o Alfa Pendular – possa encontrar uma estrutura de trabalhadores que estão a fazer uma reparação na linha, como se não soubessem que o comboio vai passar”, atirou.
É, para o comentador, “muito preocupante deste ponto de vista, este tipo de descoordenações”. “Este tipo de acidentes não pode nunca acontecer e neste caso deixa duas fatalidades o que marca uma tragédia neste dia”, rematou.
Recorde-se que o descarrilamento de um comboio Alfa Pendular, na linha do Norte, após colidir com uma máquina de trabalhos da Infraestruturas de Portugal, perto da vila de Soure, resultou em dois mortos e dezenas de feridos.

Facebook
Twitter
Instagram