A PSP deteve uma mulher que terá agredido uma juíza e arranhado uma procuradora no Tribunal de Família e Menores, de Matosinhos.
As agressões terão acontecido durante uma sessão de um processo de regulação de responsabilidades parentais.
A suspeita terá agredido a juíza a murro, tentado pegar num candeeiro e virado ao contrário uma das mesas da sala.
Antes de ser detida, ainda arranhou a procuradora do Ministério Público que se encontrava na sala.
Está detida nas instalações do tribunal onde decorria a sessão.

Facebook
Twitter
Instagram