Natural do Porto, a simplicidade e o sentido de humor são traços que lhe vincam a personalidade. Foram as raízes transmontanas que lhe despertaram o gosto pela cozinha, e as mulheres da família – mãe e avó – inspiraram as bases que o transformariam no profissional que é atualmente: apaixonado, original e surpreendente.

Na Gala Michelin realizada em Sevilha, Portugal brilhou com quatro novas estrelas para a restauração nacional. Temos agora sete restaurantes com duas estrelas, 20 com uma estrela. No campeonato das perdas, três restaurantes abandonam as estrelas, Henrique Leis, L’And Vineyards e Willie’s.
O restaurante do Norte do país é o único em Portugal a ganhar duas estrelas (cozinha excecional, merece o desvio) na edição do próximo ano do Guia Michelin Espanha e Portugal, que foi apresentada esta quarta-feira à noite em Sevilha.
“Vamos aprimorar mais algumas coisas de serviço, abrir a fogo garrafas todas as noites, uns pratos em que se trabalha mais a frescura no momento, que é para trabalhar para a terceira”, disse aos jornalistas, momentos após ter subido ao palco para vestir a jaleca ostentando as duas estrelas.
Considerado como uma referência incontornável da cozinha moderna, e distinguido com uma Estrela Michelin, os pratos do Chef Rui Paula revelam a memória das suas origens, preservando sabores, texturas, aromas e cores, em surpreendentes recriações, cheias de originalidade.

Facebook
Twitter
Instagram