Académica-Benfica interrompido na primeira parte.

Confusão nas bancadas interrompe Académica-Benfica. Polícia obrigada a intervir, adeptos fogem para o relvado, há um ferido.
Pouco passava dos 35 minutos do Académica-Benfica quando o árbitro apitou para parar o jogo. Em causa, confrontos entre adeptos do Benfica e da Académica numa das bancadas do Estádio Cidade de Coimbra.
A dado momento, perante a confusão que teve lugar numa das bancadas, alguns adeptos saltaram para a pista de atletismo do estádio, procurando escapar à confusão instalada. Alguns desses adeptos, acompanhados de crianças, abandonaram mesmo o estádio
O jogo esteve parado mais de sete minutos, uma paragem em parte explicada pelo facto de um adepto ter necessitado de assistência médica, obrigando à entrada de ambulância no interior do estádio. O adepto terá caído mal quando procurava abandonar a bancada para escapar à confusão que obrigou à intervenção policial.
Pouco passava dos 35 minutos do Académica-Benfica quando o árbitro apitou para parar o jogo. Em causa, confrontos entre adeptos do Benfica e da Académica numa das bancadas do Estádio Cidade de Coimbra.
Dos incidentes resultou, pelo menos, um ferido, que esteve a ser assistido na pista de atletismo do Estádio Cidade de Coimbra durante largos minutos, junto à bancada superior nascente.
Ao intervalo, o Benfica vencia por 3-0, com golos de Rafa, aos 23, e de Raul de Tomás, que bisou na partida, aos 24 e 45+6.

Facebook
Twitter
Instagram