Os trabalhos de remoção controlada do betão destacado na Ponte da Arrábida começaram durante a noite desta quarta-feira, com conclusão prevista para as 6 horas de hoje, quinta-feira, anunciou a Infraestruturas de Portugal (IP), entidade responsável pela ponte. Caso se verifique necessário, a operação voltará a repetir-se nas próximas noites.

O plano de rápida de intervenção de manutenção na Ponte da Arrábida implica que a Câmara do Porto mantenha, por enquanto, o trânsito cortado na marginal. Adicionalmente, terá de se proceder ao corte da via direita nos dois sentidos do tráfego sobre o tabuleiro, enquanto os trabalhos noturnos decorrem.
Em comunicado, a IP esclarece que já procedeu à contratação de “uma plataforma bybridge que permitirá dar início aos trabalhos de remoção controlada do betão destacado”. No entanto, “apenas com o desenvolvimento da intervenção será possível aferir com detalhe se existirá necessidade de prolongar este trabalho por mais noites”, acrescenta.
O plano de intervenção foi definido na reunião que se realizou hoje de manhã com responsáveis da Câmara do Porto, em coordenação com as forças de autoridade.
A Infraestruturas de Portugal refere ainda que, em data a anunciar brevemente, serão executados trabalhos de revestimento e proteção das vigas.
A IP confirma que “se tratou do desprendimento de fragmentos de betão/argamassa de revestimento das vigas do tabuleiro”, sublinhando que estes “não constituem elementos estruturais da Ponte da Arrábida”.
Ainda assim, e apesar destes fragmentos “serem de pequena dimensão”, pela altura de queda e posição, a situação representa risco de danos aos utilizadores da marginal, pelo que o Município encerrou esta via à circulação até indicação, por parte da IP, de que pode ser reaberta em segurança.
Por precaução, a Câmara do Porto procedeu ontem à noite ao corte do trânsito, após atuação imediata dos serviços de proteção civil municipais.

Facebook
Twitter
Instagram