Atualmente, Portugal importa menos 1,2% de vestuário e moda oriunda de Espanha, o que é relevante, uma vez que houve um crescimento acentuado em 2017, perto dos 10%. 
De facto, existiu uma quebra ao longo de 2018, no que toca as marcas espanholas em solo português, o que vai de encontro à situação dos nossos vizinhos perante outras pontas da Europa. Segundo os dados fornecidos pela ICEX, instituto espanhol para o comércio interno, 2018 foi um ano de abrandamento para o sector da moda, mesmo tendo as exportações espanholas crescido 1,3%. Apesar do crescimento revelado, este valor é, na verdade, o valor mais baixo em 10 anos consecutivos de crescimento.
França, Itália e Alemanha compraram menos à indústria espanhola, porém a queda mais acentuada registada foi em Portugal, o que surpreende em virtude do passado recente comercial dos dois países.
Facebook
Twitter
Instagram