Longa-metragem portuguesa “Carga” estreia hoje nos cinemas.

Carga é a primeira longa-metragem realizada por Bruno Gascon, que arrecadou com a sua curta Boy o prémio Rising Star Award no Canada International Film Festival e teve outra curta, Vazio, selecionada para o Short Film Corner do Festival de Cannes.
Carga retrata a história de uma jovem russa, Viktoriya, que se vê obrigada a lutar pela própria vida após ser apanhada numa rede de tráfico ilegal. Na sua busca pela liberdade encontra o atormentado António, o velho camionista responsável pelo transporte das jovens traficadas pela estrada que deveria garantir-lhes um futuro melhor.
A distribuidora Breaking Glass Pictures não ficou indiferente a Carga, que explora o mundo cruel do tráfico sexual, tendo adquirido os seus direitos norte-americanos antes mesmo da sua estreia em Portugal.
O papel principal deste drama ganha vida pela interpretação da estrela do cinema polaco Michalina Olszanska, que interpreta Viktoriya. Também no ecrã estarão caras bem conhecidas dos portugueses, como é o caso de: Vítor Norte, Rita Blanco Miguel Borges, Dmitry Bogomolov, Ana Cristina Oliveira, Duarte Grilo, Rui Porto Nunes e Rui Luís Brás. O filme marca ainda a estreia da prestigiada modelo Sara Sampaio no cinema.
Carga foi produzido por Joana Domingues e pela Caracol Studios e tiveram Hugo Mendonça e o empresário Tim Vieira como produtores executivos.
No âmbito do filme, está também a decorrer uma campanha nacional de sensibilização promovida pela Prio, Minipreço e Fidelidade.
Esta nova longa-metragem portugueses chega às salas de cinema de todo o país já amanha, dia 8 de novembro.

Viktoriya é uma jovem russa apanhada numa rede de tráfico ilegal, que luta para sobreviver. António é um velho camionista, que se cruzará no caminho da jovem, apercebendo-se que também está envolvido num esquema de tráfico ilegal.
É esta a síntese de “Carga”, o novo filme de Bruno Gascon sobre o tráfico humano. O elenco inclui nomes como Sara Sampaio, Vítor Norte, Rita Blanco, Ana Cristina Oliveira, Duarte Grilo, Miguel Borges, Michalina Olszanska, Dmitry Bogomolov, entre outros.
O registo dos 54 dias de filmagem em Castelo Branco, Fundão, Louriça do Campo, Covilhã, Serra da Estrela e Belmonte deu origem a uma exposição da autoria do fotógrafo Luís Sustelo sobre os bastidores do filme.