É no famoso edifício da Casa Navarro, no coração da Invicta, que vai nascer o primeiro hotel em Portugal dedicado à ourivesaria, mais precisamente, à filigrana.

Dando continuidade às parcerias já implementadas, nomeadamente com Cristiano Ronaldo, com a marca Pestana CR7, e com António Oliveira, com a gestão do Pestana Porto – A Brasileira, o maior grupo hoteleiro português, vai dar nome a uma nova unidade na cidade Invicta.
Trata-se do Pestana Porto – Goldsmith, uma unidade de quatro estrelas constituída por 43 quartos, um museu com oficina de filigrana e uma loja. O hotel, que será o primeiro City Center & Historical Hotel é inaugurado em novembro, no âmbito de uma parceria com o grupo David Rosas, uma das mais conceituadas empresas de joias e acessórios de luxo nacionais. Desta parceria resulta o primeiro hotel dedicado à ourivesaria, em Portugal, com uma abordagem muito focada na filigrana.
Ainda pouco se sabe sobre o projeto, nomeadamente, sobre como será aplicada a temática ao interior da nova unidade hoteleira, apenas que se trata da recuperação de um conjunto de cinco prédios do século XIX, classificados como Património Municipal, conhecido no Porto como Casa Navarro.
Refira-se que esta ligação do Grupo Pestana à filigrana não é nova. Na rede de Pousadas de Portugal existem diversos expositores de venda dedicados a esta tradicional arte joalheira.
Outra novidade na Invicta é a abertura, em 2019, de uma Pousada de Portugal na Rua das Flores, com capacidade de 87 quartos. Já em Lisboa, o grupo liderado por Dionísio Pestana (Prémio Carreira – Guia Boa Cama Boa Mesa 2018) vai abrir, em 2019, uma unidade de quatro estrelas na Rua Braamcamp, com 90 unidades de alojamento (sendo cerca de 70% suites), e outra, em 2020, junto ao Arco da Rua Augusta, com 89 quartos e classificada com quatro estrelas.