O treinador do FC Porto admitiu hoje “mudar algumas nuances” na sua equipa, devido às ausências de Aboubakar e Soares, na partida frente ao Galatasaray, quarta-feira, da segunda jornada do Grupo D da Liga dos Campeões de futebol.

O treinador do FC Porto admitiu “mudar algumas nuances” na sua equipa, devido às ausências de Aboubakar e Soares, na partida frente ao Galatasaray, quarta-feira, da segunda jornada do Grupo D da Liga dos Campeões de futebol.
O técnico lamentou a ausência do avançado camaronês, que recentemente se lesionou com gravidade, e do atacante brasileiro, que não foi inscrito para esta fase da competição, mas considerou que as opções do plantel lhe dão “boas garantias”.
“Gostava de ter todos aptos, mas tenho jogadores no plantel principal que me dão garantias. Temos, também, um conhecimento grande da equipa B e estou em comunicação com treinador, com Rui Barros, e quando acharmos que um jogador possa ser interessante para fazer parte, fará”, disse Sérgio Conceição.
O treinador do FC Porto quis vincar, na antevisão a este jogo, a união do seu grupo, lembrando a última vitória, frente a Tondela (1-0), e outros momentos de partilha entre o plantel, nomeadamente após a lesão do Aboubakar.
O FC Porto, segundo classificado do Grupo D, com um ponto, recebe quarta-feira, na segunda jornada, os turcos do Galatasaray, primeiros, com três, num jogo agendado para as 20:00, que terá arbitragem do inglês Michael Oliver.