A Igreja Nossa Senhora da Lapa é hoje palco de uma homenagem a D. Pedro IV, no âmbito da evocação dos 220 anos do nascimento do rei português. A cerimónia está marcada para o final da tarde e a entrada é livre.

Organizado pela Rota Porto Liberal, a sessão tem início marcado para as 18,30 horas com a Evocação de D. Pedro de Portugal, I do Brasil, a cargo do professor doutor Eugénio dos Santos, da Universidade do Porto. Seguem-se as Exéquias com as leituras bíblicas e excertos do Requiem de Mozart, tocados pela Orquestra Sine Nomine e Coro Polifónico da Lapa, sob direção do maestro Filipe Veríssimo.
A Rota Porto Liberal é um projeto liderado pela Venerável Irmandade de Nossa Senhora da Lapa (VINSL) em parceria com a Câmara do Porto (CMP), a Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN), o Museu e Igreja da Misericórdia do Porto (MMIPO), o Museu Nacional Soares dos Reis (MNSR) e o Museu Militar do Porto (MMP).
O coração de D. Pedro IV, doado à cidade do Porto por sua filha D. Maria e que a Igreja da Lapa alberga, inspirou este projeto que pretende afirmar o valor histórico, artístico, cultural, simbólico e patrimonial deste período da história da cidade.
A Rota Porto Liberal promove a criação e promoção de novos percursos culturais e turísticos na cidade Invicta e incentiva à reflexão sobre os ideais liberais, património imaterial da humanidade.
O encerramento da homenagem está previsto para as 19,45 horas.