A Unidade de Controlo Costeiro da GNR apreendeu ontem no porto de pesca de Aveiro cerca de 300 quilos de pescado fresco, com o valor presumível de 3.950 euros, informou aquele órgão policial.

Em comunicado, a GNR refere que a apreensão decorreu durante a fiscalização de uma viatura, com o objetivo de controlar o cumprimento das regras do regime de primeira venda em lota do pescado fresco.
“Após confrontação da mercadoria transportada e da mencionada nos documentos de acompanhamento, verificou-se que existiam 279,4 quilos de pescado fresco de várias espécies que não tinham sido sujeitos ao regime de primeira venda e 23 quilos de polvo vulgar subdimensionado”, refere a mesma nota.
Foi elaborado o respetivo auto de contraordenação e identificada a embarcação e a responsável pelo pescado.
Após sujeição a uma inspeção higiossanitária, que o considerou próprio para consumo, o pescado fresco foi entregue a instituições de solidariedade social da região.