Treinador considera o avançado imprescindível e a SAD recusou uma oferta de 25 milhões de euros.

Marega é peça fundamental para atacar a renovação do título e Sérgio Conceição não está disposto a abrir mão dele, nem em ouvir conversas que conduzam à sua saída. Apesar de o avançado ter manifestado recentemente vontade em tentar a sorte noutro campeonato e de a pressão do mercado de transferências se fazer sentir, os 40 milhões de euros da cláusula de rescisão têm sido suficientes para manter à distância o interesse de Tottenham, Everton, West Ham e Chelsea e dos alemães do Schalke 04. O mercado chinês foi uma porta que nem chegou a ser ponderada, embora não faltassem clubes interessados, mas Marega está decidido em manter-se na Europa, nesta fase da carreira, e fechou essa via.