A OxaláEditora, vocacionada para a publicação de obras de autores portugueses e lusodescendentes a viver fora do país, prepara a segunda Antologia de Poetas Portugueses na Diáspora a ser publicada no Outono de 2018.

A primeira edição da Antologia lançada em 2016 reuniu 21 poetas residentes na Europa, Canadá, Macau, etc. “Foi uma ideia que surgiu devido ao facto de termos recebido imensos pedidos de informação de poetas. Uma vez que as pessoas são confrontadas com as dificuldades no mercado da distribuição, decidimos que seria mais viável integrá-los numa antologia de poetas da diáspora”, explicou Mário dos Santos, editor e responsável pela Oxalá Editora.
A editora, sediada em Dortmund, na Alemanha, foi criada em Junho de 2015 e esteve associada ao jornal Portugal Post que há 25 anos publica um jornal mensal dedicado à comunidade portuguesa na Alemanha.
Com 2,3 milhões de portugueses a viver fora do país, Mário dos Santos acredita que “na diáspora há muita gente que escreve com qualidade” e a Oxalá pretende fazer um trabalho de “descoberta desses autores”.
“Numa antologia podemos inserir poetas de vários continentes, ver e sentir quais são as preocupações poéticas dos portugueses em diversos países” referiu Mário dos Santos, acrescentando que “a saudade é um elemento muito importante para quem escreve poesia na diáspora”.
A editora está a receber poemas até dia 30 de Setembro de 2018 para depois proceder à publicação da II Antologia de Poetas Portugueses na Diáspora.